Logo topo

    Segunda, 08 Março 2021 22:23

    Câmara Municipal de São Gotardo cria Comissão Especial de Acompanhamento e Prevenção a Covid-19

    Escrito por José Eugênio Rocha
    Na foto acima, membros do comitê, presidente da Câmara e a Secretária municipal de saúde. Na foto acima, membros do comitê, presidente da Câmara e a Secretária municipal de saúde.

    Com o objetivo de acompanhar e auxiliar as ações dos órgãos de saúde de nosso município no combate ao Coronavírus, o Legislativo Municipal através de seu presidente, o vereador Carlos Alves de Camargos, conforme portaria 21/2021, criou a Comissão Especial de Acompanhamento e Prevenção a COVID-19, composta pelos vereadores: Ana Flávia Rodrigues (Presidente); Valdivino Honorato de Oliveira (Relator); Lander Inácio Rodrigues Melo e Célio Martins dos Reis (Membros).

     

    Entrevista - Carlos Camargos - presidente da Câmara Municipal de São Gotardo

     entrevista01

    Um dos objetivos é manter a população informada sobre as medidas em curso, não é isso?

    Na formação da Comissão, optamos por nomear dois dos vereadores de primeiro mandato e outros dois do grupo de reeleitos. Uma proposta da vereadora Ana Flávia, a criação desse grupo de trabalho parte de uma necessidade, tanto de manter a população informada, como a de encaminhar às autoridades competentes, dúvidas e questionamentos sobre as medidas tomadas. Para isso os parlamentares estão atentos às manifestações e opiniões publicadas via rede sociais. Entre essas dúvidas eu poderia citar, por exemplo, aquela sobre a aplicação de testes; como os interessados devem proceder. Um outro questionamento, além do andamento da campanha de vacinação é o seguinte: A sociedade quer saber para onde vai o dinheiro público, onde ele é aplicado. Nesse momento, em especial, há um interesse da sociedade em acompanhar o destino dos recursos que estão sendo transferidos para as prefeituras no combate à Pandemia. É tarefa do Legislativo acompanhar a aplicação dessas verbas, e informar a população, com total transparência. Nossa posição como presidente é de garantir total transparência no acesso às informações que sejam de interesse público.

    Como se dará a tratativa legal?

    Esta Comissão criada pela Câmara Municipal vai apresentar vários requerimentos aos orgãos competentes, solicitando informações e dados sobre cada etapa do processo de enfrentamento `a Pandemia, seja em relação a Testes, Vacinas, vagas nos hospitais, aplicação dos recursos... e outros assuntos que sejam de interesse da população.

    Já houve alguma iniciativa da Comissão, que o senhor pudesse nos adiantar aqui?

    Sim. o vereador Valdivino apresentou algumas dúvidas por parte da população sobre os critérios utilizados para decidir quem estava sendo vacinado nessa primeira fase, e se não havia desvio na lista obrigatória de vacinação. Eu liguei para a Secretária municipal de saúde, Jacqueline Luíza, solicitando um encontro com os membros da Comissão, para esclarecimentos dessas dúvidas. Ela prontamente atendeu ao nosso pedido. Nos reunimos nesta sexta-feira,12, na secretaria, e cada vereador pode fazer seus questionamentos sobre os critérios adotados.

    O que foi discutido na reunião?

    Uma das dúvidas, por exemplo, apresentada pela comissão, diz respeito aos critérios adotados para decidir quais os grupos devem ser vacinados inicialmente. Jacqueline explicou que está sendo seguido rigorosamente os critérios do Plano nacional de imunização. Primeiro foram vacinados os profissionais da linha de frente, posteriormente, foi a vez dos profissionais e funcionários das farmácias, clínicas de fisioterapia, Pilates, etc. Inclusive os funcionários das funerárias.

    Ainda em relação às vacinas, como acompanhar o andamento da campanha?

    Nós solicitamos à Secretária Jacqueline que seja criado um Vacinômetro, uma espécie de boletim diário informando quantas doses já foram aplicadas e quem já foi vacinado.

    Um boletim como ocorre na divulgação do número de casos confirmados, correto?

    Sim, isso mesmo. quantas doses chegaram essa semana, quantas pessoas já foram vacinadas; e ainda um cronograma com as datas de vacinação para cada faixa etária.

    E uma última pergunta, foi abordado nessa reunião o início da vacinação dos idosos?

    Sim. A secretária nos informou que os idosos serão vacinados em suas próprias casas. Os agentes de saúde estão percorrendo todos os bairros para fazer o cadastramento de toda a população acima dos 60 anos.

     

    © 2020 Jornal DAQUI - Todos os direitos reservados.