Logo topo

    Segunda, 18 Fevereiro 2019 22:17

    V Copa de Futebol do Alto Paranaíba reúne 2.700 Atletas

    Escrito por José Eugênio Rocha

    O primeiro mês do ano já se distingue como data oficial de um dos mais importantes torneios de futebol de base do Brasil. A 5ª edição da "COPA DO ALTO PARANAÍBA" ganha ares de palco por excelência e se consolida como calendário obrigatório dos principais clubes de futebol do país. São Gotardo como sede principal do torneio recebeu nesta segunda semana de janeiro mais de dois mil e trezentos atletas.

    Dado tamanho contingente a cidade foi literalmente invadida por uma multidão de jovens e crianças, aspirantes ao posto de estrela dos gramados nacionais e internacionais. Aqui aportaram em busca de um sonho, de um desafio. Na paisagem urbana vimos desfilar dezenas e dezenas de ônibus circulando entre um trajeto e outro, levando e trazendo gente, dos alojamentos para os gramados, dos gramados para a praça de alimentação; tomaram ruas, bares, lanchonetes, restaurantes e hotéis, tudo devidamente orquestrado por técnicos, coordenadores e organizadores do evento. Pelas praças e jardins da cidade destacava-se da bucólica rotina uma miríade de cores estampadas em trajes esportivos, simbolizando bandeiras de seus clubes e agremiações. Ao longo de uma semana foi assim: uma formidável invasão de habitantes da nova geração do planeta-bola. De fato, o alvo dos ilustres visitantes não foi a cidade, mas sim, os seus gramados. Para suprir a extensa tabela de jogos classificatórios foram utilizados todos os quatro campos da cidade com partidas realizadas nos três turnos, manhã, tarde e noite.

    Entrevista Wilson Maia - WM Eventos Esportivos

    wilsonmaia01

    Foi possível verificar durante a abertura do evento um aumento significativo no número de atletas participantes. É maior copa já realizada até agora?

    Esta 5ª edição da Copa é a maior no que se refere à estrutura e ao número de equipes participantes: São 32 categorias, distribuídas da sub11 à sub18; 48 delegações participando, 9 estados, 2.700 atletas cadastrados. Então, das 5 edições realizadas, esta superou todas as anteriores, o que consolida como uma competição de nível técnico elevadíssimo, presença de vários observadores, e mostra a credibilidade da competição. Esta 5ª copa vem consolidar São Gotardo, sede da Copa Alto Paranaíba como uma copa de celeiros, de revelação. A competição envolve 8 campos de futebol, onde estão sendo realizadas 66 partidas por dia. São números expressivos. No refeitório central 2.100 pessoas tomam café, almoçam, jantam durante todos os dias da competição. Além das cozinhas próprias, e do refeitório em Matutina.

    É uma parceria vitoriosa entre a empresa organizadora e a comissão e comunidade de São Gotardo, não é isso?

    Só temos a agradecer ao prefeito da cidade, Seiji Sekita, que abriu as portas, desde a primeira edição. Agradecer ao grande parceiro que é o Vinicius, que abriu este caminho, que buscou a WM para esta parceria com o município; ao Amaral, secretário de esportes, com toda a sua equipe, envolvendo todas as comissões, de campo, de alojamento, de transporte, o pessoal aqui do Parque de Exposições, onde está instalado o refeitório. O município fez esta parceria com a WM.

    Nesta edição ocorreram algumas situações delicadas. Citamos de início a grave situação enfrentada pela equipe de Brumadinho, onde ocorreu a tragédia do rompimento da barragem. A equipe já havia chegado a São Gotardo um dia antes, correto?

    Eles chegaram no dia 24, um dia antes da tragédia. Primeiro, se tivessem deixado pra sair no dia 25 não teriam vindo para a competição. Tem garotos da equipe de Brumadinho que lá perderam parentes. Um deles perdeu o pai, inclusive. Logo depois da tragédia vieram aqui buscá-lo de volta. apesar de tudo, todos resolveram ficar e continuar na competição, o que foi importante pra eles. Foi uma maneira de lidar com aquela situação, se livrando de toda a tormenta e sofrimento. Todos os pais concordaram que eles ficassem aqui. São Gotardo confortou com essa competição esses jovens.

    Outra situação inesperada que também ocorreu logo no início da competição foi o embargo do Campo de Matutina...

    Sempre realizamos parte dos jogos nas cidades de Matutina e Rio Paranaíba. No decorrer das preparações chegou até nós a interdição do campo de Rio Paranaíba, do Sparta e não o de Matutina. Rapidamente as co-missões municipais, o Vinicius juntamente com o Chiquinho solucionaram o problema e o campo do Sparta foi liberado. A comissão de Rio Paranaíba não conseguiu resolver o problema lá. E Matutina até então não havia problema, e no dia 25 por volta das 14 h, um dia antes do início dos jogos, recebemos então a notícia de uma denúncia, preparada, maldosa. O campo foi então interditado pelo Corpo de Bombeiros. Tudo já estava preparado com as equipes se alojando na cidade, e toda estrutura pronta para o início dos jogos, em torno de 9 partidas por dia. tivemos que sair, gerando um transtorno muito grande. Primeiro para a cidade de Matutina que havia se preparado para o evento. O comércio se pre-parando, a população toda na expectativa de assistir aos jogos... Isso foi brecado, maldosamente foi brecado.

    Foi quando surgiu a necessidade de um outro local para os jogos.

    Graças a Deus, toda a equipe de São Gotardo se mobilizou, o Vinicius entrou em contato com o time de Carmo do Paranaíba, o Bela Vista, que muito gentilmente nos atendeu, solucionando o problema do campo. Carmo nos cedeu o campo e pudemos dar continuidade no ínicio dos jogos. As equipes que estavam alojadas em Matutina tiveram que fazer deslocamento viajando 80 km de ida e volta para jogar lá em Carmo do Paranaíba. Naquele momento ficamos muito preocupado, pois corríamos o risco de ver todo o evento comprometido, mas felizmente conseguimos contornar o problema. Foi uma denúncia maldosa com a clara intenção de prejudicar o evento. Não pensaram que estavam prejudicando muita gente. Imagine você a situação de equipes como a da capital de Porto Velho, que viajou mais de 3 mil quilômetros pra chegar até aqui, do Marabá.... Tem nove estados participando. Foram pessoas maldosas que fizeram isso.

    Apesar disso tudo, o saldo final da 5ª Copa foi muito positivo. sim?

    Verdade. O saldo final é extremamente positivo para todos que trabalharam e participaram deste glorioso evento.

     

     

     

     

    Encontre-nos

    Edição atual

    jd118 capa

    © 2019 Jornal DAQUI - Todos os direitos reservados.